Palco da Vida por Fernando Pessoa

 

marcia.pacini_Oct_02_19_58_f9f7ef8f[1]

Você pode ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não se esqueça de que sua vida é a maior empresa do mundo. E você pode evitar que ela vá à falência.

Há muitas pessoas que precisam, admiram e torcem por você. Gostaria que você sempre se lembrasse de que ser feliz não é ter um céu sem tempestade, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem desilusões.

Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.

Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza. Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos. Não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um “não”. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples, que mora dentro de cada um de nós. É ter maturidade para falar “eu errei”. É ter ousadia para dizer “me perdoe”. É ter sensibilidade para expressar “eu preciso de você”. É ter capacidade de dizer “eu te amo”. É ter humildade da receptividade.

Desejo que a vida se torne um canteiro de oportunidades para você ser feliz… E, quando você errar o caminho, recomece, pois assim você descobrirá que ser feliz não é ter uma vida perfeita, mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância.

Usar as perdas para refinar a paciência.

Usar as falhas para lapidar o prazer.

Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Jamais desista de si mesmo.

Jamais desista das pessoas que você ama.

Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um espetáculo imperdível, ainda que se apresentem dezenas de fatores a demonstrarem o contrário.”

(Pedras no caminho? Guardo todas… Um dia vou construir um castelo!)

 Fernando Pessoa


Você é o Maestro de toda transformação!

Klau Cordeiro, The Dragon Coach

https://www.facebook.com/thedragoncoach

Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Anúncios

Um Poema ao Amanhecer

love-death-comics-gypsie-raleigh-3

Ah, o amor! Sentimento magnífico

Que encanta e desencanta
Que harmoniza e desarmoniza
Que equilibra e desequilibra
Que acalma e desatina
Que faz dormir e tira o sono
Que faz rir e chorar
Que dá esperança e desespera

Ah, o amor! Sentimento de esplendor

Que encanta meus ouvidos
Que harmoniza meus pensamentos
Que equilibra meus desejos
Que acalma minha alma
Que faz dormir minha saudade
Que faz rir meu coração
Que dá esperança a meus sonhos

Ah, meu amor! Magnífico Esplendor na arte…

Arte de amar! Amar o “amor” plenamente.
Arte de ser! Ser o “amor”  inteiramente.
Arte de viver! Viver o “amor” intensamente.
Ah! O amor! Ah! meu amor!

“Porque metade – Dragon – é amor… E a outra metade – Phoenix – também!”

The Dragon


Você é o Sentimento de toda transformação!

Klau Cordeiro, The Coach Dragão

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Na Lucidez de um momento!

398cd7662906688d01f4afa7939b0c0d[1]

Na lucidez de um momento o Dragon levantou voo e acreditou…

Acreditou!!! que serias raiar de brisa leve.
Acreditou!!! que serias inteira na metade de um todo.
Acreditou!!! que serias o esplendor de um sorriso ardente.
Acreditou!!! que serias a canção mais bela a ser aprisionada aos ouvidos.
Acreditou!!! que serias no tolo conforto, que o confronto do corpo seria o bastante para acalmar o atrito da alma.
Acreditou!!! que serias o encanto da noite encantada pelo brilho de seu olhar.
Acreditou ser, intenso e inteiro – QUE NUNCA FUI TÃO ACHADO PERDIDO ASSIM – nos olhos da exuberante – Phoenix – a quem fora encontrar e amar. E amou… amou.

E no lapso de um instante perdido, no momento de lucidez, o óbvio vem à tona, e percebo que em meio aos encontros e desencontros da vida, pessoas existem que “passam” de alguma forma por nossa vida e jamais são esquecidas.

E nesse mesmo lapso de lucidez, foi possível descobrir, que essas pessoas, muito pelo contrário, permanecem guardadas na mais suave lembrança, ou na mais bela e doce ferida através dos laços invisíveis do amor sem fim.

The Dragon


E VOCÊ JÁ VIVEU SEU MOMENTO DE LUCIDEZ?

Você é a Lucidez de toda transformação!

Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

 

Navegando pela vida 

images_(1)[1]

Linda e amada Phoenix! Quando uma porta se fecha, outra se abre…

Linda e amada Phoenix! Quando um caminho termina, outro começa…

Nada é estático, fixo no Universo, tudo se move constantemente e tudo se transforma sempre para melhor.

É preciso adaptarmos nosso pensamento a um ensinamento simples da vida: tudo que chega é bom, tudo que parte também. 

É o rio da vida… navegue-o da forma como ele se apresentar, sem apego ou resistência…

Não se desespere com as dificuldades, com as provas, com os momentos de dores e sofrimentos… eles são despertadores da vida, têm a missão de nos acordar. Se assim não fosse permaneceríamos seduzidos com os encantos do mundo material, esquecidos do que realmente viemos fazer neste planeta – transformá-lo.

O Universo nos possibilitou estar aqui para coisas mais importantes que apenas comer, dormir, ir e vir, pagar contas, ou seja, apenas passar pela vida…

Estamos aqui para realizar “sonhos”, construir “pontes”, transformar “mundos”, compartilhar “possibilidades”, amar “vidas”… Enfim, num aparente paradoxo que faz muito sentido, como diria meu amigo “Mouses”, estamos aqui para ser finos, leves e explodirmos de amor à vida.

Toda inércia é um desrespeito a si mesmo, mova-se. Há um mundo (meu mundo, seu mundo, nosso mundo) a ser transformado, seu papel é contribuir para deixá-lo melhor do que você o encontrou. Recursos! Estão todos dentro de nós. Ninguém “oferta” o que não tem! Ninguém “caminha” sozinho! Todos colhemos… conforme “as escolhas” que plantamos no canteiro da vida. Entretanto, com certeza, todos estamos nos esforçando para cumprir a missão que nos foi confiada pelo Universo.

Embora as correntezas percorridas sejam diferentes, todos nós estamos navegando em direção ao mesmo porto, um porto seguro.

E cada barco tem como norte (bussola) as conquistas, as derrotas, os aprendizados, os erros, os acertos, as imperfeiçoes, as virtudes, …

E cada barco tem como tripulação os sentimentos de alegria ou tristeza, paz ou inquietude, harmonia ou desarmonia, felicidade ou infelicidade, amor ou indiferença, …

E assim, percebemos que, na verdade, ninguém atrapalha a navegação de ninguém, podem até estreitar o rio ou fazer crescer a resistência da correnteza, mas não podem quebrar a embarcação. Isso só acontece quando permitimos… “Somos o capitão da embarcação e sempre caberá a nós conduzi-la…”

No final todos estão apenas tentando chegar ao porto, ancorar seu barquinho – melhorar (novas conquistas morais e espirituais) a tripulação – e continuar navegando em busca de si mesmo.

Quando saímos de onde estamos, e navegamos até o outro e pareamos os barcos, e utilizamos as cordas do respeito, da confiança, da lealdade para amarrá-los na liberdade de navegar juntos o rio da vida, o fantástico, o maravilhoso, a grande mágica da vida se realiza em nosso íntimo:

A compreensão expande a mente que sintoniza com o coração, o pesado se torna leve, a gratidão se curva perante o outro, a gentileza envolve e conduz as palavras, a generosidade se aconchega no coração harmonizando-o com a mente. E nesse instante descobrimos na profundidade de um olhar, no encanto de um sorriso, na essência de uma alma o grande propósito da existência – a prática sublime e incondicional do AMOR que transforma e liberta. E nesse momento entendemos que somos barcos (energia) em movimento, a harmonia perfeita do universo, embora tudo seja uma ilusão – nos diz a Física Quântica – estamos interligados (Dragon + Phoenix = Nós) por fios invisíveis (traçados pela caneta universal do amor) que diminui distâncias (aproximando as almas) conectando-as no universo mágico da vida em movimento.

Assim:

Compreendemos que nossos sentimentos, pensamentos, sejam eles quais forem, estarão sempre influenciando, contaminando – positivamente ou negativamente -alguém em algum lugar dessa escola chamada Terra.

The Dragon


VENHA! NAVEGUE COM SEGURANÇA, PAZ E AMOR NESSE IMENSO RIO CHAMADO VIDA...

Você é o Capitão de toda transformação!

Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Amar é saber Viver

 images1

Saber Viver

Não sei… Se a vida é curta
Ou longa demais pra nós,

Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.

E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira, pura… Enquanto durar

Cora Coralina

Não se preocupe Dragon em saber o que é viver, pois viver ultrapassa toda sabedoria. Preocupe-se em entender o que é amar, pois amar é a arte de viver com sabedoria.

Amar a Phoenix! É encontrar com a pessoa que te faz sorrir sem motivos, que tira o folego com um beijo, que estremece sua alma com um toque…

Amar a Phoenix! É Fechar os olhos e sentir o toque suave e doce que arrepia e balança a alma, despertando os desejos mais profundos e secretos…

Amar a Phoenix! É pensar e sentir a leveza da vida no pulsar forte coração transbordando de felicidade…

Amar a Phoenix! É escutar os sons do coração e não apenas ouvir as palavras…

Amar a Phoenix! É enxergar-lá com os olhos do amor e sentir o pulsar de suas necessidades e anseios…

Amar a Phoenix! É perceber quando ela está perdida e saber encontrá-la em meio a multidão…

Amar a Phoenix! É chegar sem perguntar e  ao mesmo tempo questionar tudo aquilo que você acredita sem te julgar…

Amar a Phoenix! É  quando você tem um mundo para campear e estar e simplesmente escolhe permanecer, ficar…

Amar a Phoenix! É acordar e olhar no espelho e saber que vale a pena cada detalhe, cada vírgula, cada interrogação, cada exclamação, cada ponto…

Amar a Phoenix! É encontrar as oportunidades de construir a felicidade e distribuir sorrisos…

Amar a Phoenix é simplesmente amar a Phoenix e também: “Colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta, silêncio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia”. Enfim amar é o amor que acolhe, envolve e conforta no silêncio ou na palavra.

The Dragon


DRAGON!!! AME INCONDICIONALMENTE E VIVA COM SABEDORIA.

Você é o maestro de toda transformação!

Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach

Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

 

Quem sabe um dia

reflexao-sobre-a-vida-21

Quem sabe um dia

Quem sabe um dia
Quem sabe um seremos
Quem sabe um viveremos
Quem sabe um morreremos!

Quem é que
Quem é macho
Quem é fêmea
Quem é humano, apenas!

Sabe amar
Sabe de mim e de si
Sabe de nós
Sabe ser um!

Um dia
Um mês
Um ano
Um(a) vida!

Mario Quintana

O que importa na vida? Existir ou Viver?

Não é quando você começou a existir, mas… quando você começou a viver;

Não é como você está existindo, mas… como você tem vivido;

Não é quanto você tem existido na vida, mas… a qualidade do que você tem vivenciado;

Não é o que você tem na existência, mas… o valores que você vivencia;

Não é com quem você  existi, mas… o quanto você compartilhar a vida com alguém;

Não é o que você faz na existência, mas… o que você faz com a vida;

Existe uma enorme diferença entre viver e apenas existir.

Existir é se apaixonar por um momento e desfrutar de seu prazer, mas… viver é amar e sentir esse momento na eternidade de seu espírito;

Vamos viver intensamente, imensamente, inteiramente… e não apenas existir e quem sabe um dia… quem sabe um dia…


E VOCÊ ESTÁ VIVENDO OU APENAS EXISTINDO? VIVA! SEJA FELIZ!

Você é o Existir de toda transformação!

Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com