Palco da Vida por Fernando Pessoa

 

marcia.pacini_Oct_02_19_58_f9f7ef8f[1]

Você pode ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não se esqueça de que sua vida é a maior empresa do mundo. E você pode evitar que ela vá à falência.

Há muitas pessoas que precisam, admiram e torcem por você. Gostaria que você sempre se lembrasse de que ser feliz não é ter um céu sem tempestade, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem desilusões.

Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.

Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza. Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos. Não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um “não”. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples, que mora dentro de cada um de nós. É ter maturidade para falar “eu errei”. É ter ousadia para dizer “me perdoe”. É ter sensibilidade para expressar “eu preciso de você”. É ter capacidade de dizer “eu te amo”. É ter humildade da receptividade.

Desejo que a vida se torne um canteiro de oportunidades para você ser feliz… E, quando você errar o caminho, recomece, pois assim você descobrirá que ser feliz não é ter uma vida perfeita, mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância.

Usar as perdas para refinar a paciência.

Usar as falhas para lapidar o prazer.

Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Jamais desista de si mesmo.

Jamais desista das pessoas que você ama.

Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um espetáculo imperdível, ainda que se apresentem dezenas de fatores a demonstrarem o contrário.”

(Pedras no caminho? Guardo todas… Um dia vou construir um castelo!)

 Fernando Pessoa


Você é o Maestro de toda transformação!

Klau Cordeiro, The Dragon Coach

https://www.facebook.com/thedragoncoach

Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Anúncios

Ser Feliz!

1472415702342

Ser feliz é a arte da escolha pessoal.

Ser feliz é um estado de ânimo que coexiste com muitos outros.

Ser feliz é vivenciar a realidade sem criar expectativas em excesso.

Ser feliz é sentir uma vibração intensa, uma vitalidade exuberante que existe em episódios, momentos. Ser feliz não significa que estaremos felizes continuamente.

Ser feliz é viver em equilíbrio e a harmonia com consigo mesmo e não viver a euforia dos momentos da vida.

Ser feliz é ser completo na simplicidade dos momentos, entendendo que o simples não é o simplório.

Ser feliz é ter o essencial. E o que é o essencial?

Amizade, fraternidade, sexualidade, amorosidade, lealdade, sinceridade, confiança…

Por isso, assim como a tristeza ou qualquer outra emoção, a felicidade vive dentro de nós. Se olharmos para o nosso interior, perceberemos que desse exato lugar nascem todas as alternativas que podemos controlar para ser feliz.
Ninguém é dono da nossa felicidade, assim, não deixemos a nossa alegria, nossa paz, nossa vida, nas mãos de ninguém.
A felicidade é um estado de espírito que pode estar presente até nos nossos dias mais sombrios…

Aprecie o “agora”… e descubra grandes alegrias em pequenos momentos.

Aprecie o “momento”… e vislumbre pequenas alegrias em todos os acontecimentos.

The Dragon


 Qual escolha você tem feito para ser feliz?

Você é o maestro de toda transformação!

Klau Cordeiro, The Coach Dragão

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Um poema! Uma escrita!

da9cf59ed43399b3f61ab01db437f2ca1

Phoenix do Amor

Apesar da distância Phoenix,
Acredite! O amor, sorridentemente,
Renasce a cada amanhecer com o Dragon,
Como poesia desenhada pela “lapiseira do coração”.

Nosso amor – Phoenix – é bem mais que palavras!
É sentir o toque inatingível,
É renascer em cada suspiro de prazer,
Sentindo intensamente a alma do amor.

Nosso amor – Phoenix – é bem mais que palavras!
É uma camisa trocada,
É um corredor para amar,
No mar de esperanças, na arte de esperar.

Esperar pelo tempo. Qual tempo Dragon?
Nosso tempo, tempo nosso,
Tempo certo, tempo esperto, tempo necessário,
Não! Tempo de Deus, tempo da maturidade de amar.

Amar está além de apenas soletrar, I LOVE YOU!
Amar é simplicidade no sentir,
Amar é gratidão, confiança, ir além,
Amar é resistir, na sabedoria do amor.

Nosso amor – Phoenix – é bem mais que palavras!
É uma linha escrita com sonhos,
É uma página escrita com a “Tinta Invisível” do prazer,
É um livro repleto de palavras e intenções,
Intenções de encantar, vivenciar, perceber e amar,
Continuamente no Resplandecer Infinito (de seu) Sorriso.

The Dragon

 


E a alma da Phoenix pulsa no coração do Dragon!

Você é o Poeta de toda transformação!

Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

O Sorriso

mujer-sonriendo-alegre1

O sorriso… este esticar dos lábios, exibindo majestosamente os dentes, alterando complemente a expressão facial, é um fator preponderante da alegria e fundamental na arte de ser feliz. A felicidade, normalmente, no dia a dia, vem expressa no mais belo sorriso.

Sorria, sorria e sorria…  sabe porque:

Porque o sorriso… é interpretado pelo cérebro como um estado de alegria, liberando substâncias como a serotonina, que contagia o ambiente;

Porque o sorriso… provoca estados de otimismo, de positivismo em seu entorno, promovendo um ambiente alegre e confiante;

Porque o sorriso… gera um relaxamento das tensões e harmoniza o ser, dando a sensação de paz, que transborda contagiando o ambiente, as pessoas;

Porque o sorriso… motiva a confiança, pois normalmente enxergamos por trás de um sorriso uma pessoa amistosa;

Porque o sorriso… libera serotonina e endorfinas que são analgésicos naturais do nosso organismo, diminuindo assim o estresse;

Você já percebeu quanto se consegue com um sorriso?

O que está esperando comece a sorrir agora mesmo. E sinta como um sorriso permite viver melhor, mais alegre e feliz.

É realmente revelador como o mundo se amplia diante de você e tudo parece mais alegre, colorido e agradável.

Sorria, sorria e sorria…  sabe porque…


JÁ SORRIU HOJE? SORRIA! E TRANSFORME O HOJE! AGORA!

Você é o maestro de toda transformação!

Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach

Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

O trem da vida

tumblr_labkhml50r1qcea8jo1_500_large1

“A vida é como uma viagem num trem, com suas estações, suas mudanças de curso, seus acidentes… Ao nascermos, pegamos o trem e nos encontramos com nossos pais, e acreditamos que sempre viajarão ao nosso lado, mas, em alguma estação, eles descem e nos deixam sós na viagem.

Da mesma forma, outras pessoas pegarão o trem e nos serão significativas: nossos irmãos, amigos, filhos e até mesmo o amor da nossa vida.

Muitos descerão e deixarão um vazio permanente.. outros passam tão despercebidos que nem nos damos conta que eles desocuparam seus assentos.

Esta viagem estará cheia de alegrias, tristezas, fantasias, esperas e despedidas. O êxito consiste em ter uma boa relação com todos os passageiros, dando o melhor de nós.

O grande mistério para todos é que não sabemos em qual estação desceremos. Por isso, devemos viver da melhor maneira, amar, perdoar, oferecer o melhor de nós. Assim, quando chegar o momento de desembarcar e o nosso assento estiver vazio, vamos deixar bonitas lembranças aos que continuam viajando no trem da vida!!!! ” – Autor desconhecido

Assim é a vida… um momento, um instante, uma pausa, uma viagem de trem que nos convida o tempo todo a fazer escolhas. Escolhas, ás vezes simples e outras vezes complicadas, mas sempre escolhas.

Eu escolhi seguir nessa viagem com a bagagem repleta de compreensão, amor, alegria, paz, entendimento, gentileza e muita gratidão;

Eu escolhi valorizar o que realmente importa na vida – as pessoas;

Eu escolhi permanecer no vagão da felicidade;

Eu escolhi o amor como bilhete de embarque;

Eu escolhi seguir até a última plataforma. Qual? Que importa! Importa é que eu fiz minhas escolhas.

The Dragon


E VOCÊ ESTÁ ESPERANDO O QUÊ? FAÇA SUA ESCOLHA NO TREM DA VIDA.

Você é o Trem de toda transformação!
Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach

Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Gosta do que vê no espelho?

a8c95246f457632f44755a96d09d2c551

Quando iniciamos um relacionamento, seja qual for, junto com o amor também entregamos uma pequena lista de sentimentos: medos, frustrações, insegurança, arrogância, carências, angústias, mágoas e muitas dores emocionais. E assim fazemos, porque não providenciamos antes a construção do amor em nós. Esquecemos que primeiramente temos de amar a nós mesmos.

A maneira como nos tratamos é também a forma como vamos tratar as pessoas que amamos. Se a relação com nós mesmo não está bem, como poderemos construir uma relação saudável com outra pessoa? Inevitavelmente esse desajuste no campo pessoal afetará de forma variada e prejudicial a relação com os outros. E o mais interessante é que nem sempre temos consciência dessa falta de autoamor, e por isso passamos a responsabilizar a pessoa que amamos (amigo, namorada, esposa, filho…) pelas situações e fatos ruins que sentimos. Conforme nos diz André Luiz: ” A forma como nos tratamos cria um campo vibracional, energético entre nós e o objeto amado.”

Se nós não nos preocupamos em realizar os nossos desejos, em fazer aquilo que entendemos ser o melhor para nós, não sendo fiel com o nosso querer e com nossas necessidades, com certeza essa atitude poderá trazer desengano e decepção para os nossos relacionamentos afetivos. Precisamos prestar mais atenção às nossas necessidades, tratando com mais leveza e docilidade os nossos desejos mais íntimos. É preciso respeitar os nossos sentimentos para sermos respeitados pelas pessoas e pela vida.

Se vivemos o trágico medo da rejeição, a relação é visitada constantemente pela incontrolável necessidade de agradarmos o outro, no intuito de não perdermos o carinho, o amor.

Se guardamos frustrações e magoas no decorrer da vida, surge ferrenha e poderosa a cobrança e rigidez para com a pessoa amada, na tentativa de que ela não trilhe os mesmos caminhos que nos foi motivo de desajustes e dores.

Se não compreendemos a solidão e a carência que trazemos no interior de nossa alma, não compreenderemos a ausência do outro. Assim, a tendência é exigirmos que o outro nos conforte o ego em demasia (mimos) e expresse o reconhecimento constantemente.

Se nós nos encontramos doentes com conosco mesmo, o que acontecerá com nossas relações de amor? O mesmo!  Ela refletirá a nossa doença, dor, magoa e imperfeições.

Se dizemos que amamos alguém, sem antes ter a consciência de que nos amamos, o amor que vamos ofertar  ao outro acabará sufocado, enjaulado em nossas limitações e desencantos emocionais.

Se nós não conseguimos ter atitudes que diluam nossos problemas, dificuldades, estaremos correndo o risco colocar a nossa felicidade no bolso do outro. Ninguém é responsável por nos fazer feliz. A nossa felicidade está em nós.Só nós temos esse poder.

Jamais deixe de amar… Continue amando… O amor é a construção do infinito desencadear das relações duradouras. Ame! Mas ame da maneira que você dá conta. Ame! Mas ame com intensidade e verdade. Ame! Mas ame com a delicadeza e mo perfume da mais simples flor.

Ame! Mas ame antes de tudo a si mesmo. Conheça-te! Simples assim! AME A SI MESMO E APRENDA, APRENDENDO A AMAR O OUTRO. Fazendo assim, construímos castelos de alegria e felicidade para nossa vida e para a vida das pessoas que amamos.

The Dragon


VENHA! AME A SI MESMO E APRENDA, APRENDENDO A AMAR O OUTRO.

Você é o maestro de toda transformação!
Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Amor que é amor verdadeiro não se mendiga

fb_img_14583133276101

Amor que se mendiga não é amor, é falta de dignidade e de respeito de uma pessoa consigo mesma. Porque quando amamos alguém, cuidamos dessa pessoa e evitamos ao máximo qualquer tipo de dor que ela possa sofrer. Por isso, se você não cuida dos seus amores, se não evita suas dores, são apenas amores falsos.

Nesse sentido, fazer isso é o primeiro passo para viver um amor em plenitude, para não cair em casos de manipulação, de maus-tratos e de vitimização. Provavelmente sentimos e pensamos que em determinadas ocasiões o sofrimento é inevitável, mas não é.
Qualquer ser humano é capaz de superar a si mesmo, de impedir que os outros se aproveitem de seus sentimentos e de perceber se uma relação não é digna para nós porque não nos oferece felicidade, prazer ou crescimento.
A angústia de amar quem não nos ama
Perceber e se afastar de um amor que não nos ama e que não nos dá atenção ou carinho envolve passar por um tempo de luto que deve ser respeitado; trata-se de um tempo e um espaço para compreender o que aconteceu.
O sofrimento por amor precisa de reflexão para ser superado, pois a angústia de se dar conta de que alguém não nos ama nos faz sentir apavorados por dentro. Sentimos que essa falta de amor nega e inutiliza todos os nossos sentimentos e acaba com a nossa capacidade de amar.
É necessário permitir a si mesmo um tempo para ficar chateado, para negar a realidade, para fantasiar, para ficar horrorizado, para perder o chão, para não se compreender e depois descobrir as partes nossas que estão quebradas e as que estão intactas, para restabelecer os sentimentos.
Tudo isso é indispensável para amarmos a nós mesmos, para nos sentirmos importantes e valorizados. No final, quando deixamos alguém que não nos ama de verdade para trás, começa um processo de liberdade emocional que substitui toda a dor por bem-estar.
A falta de interesse mata o carinho

O amor deve ser demonstrado, não mendigado. Implorar por amor é submeter a nossa capacidade de amar ao mais cruel sentimento: a indiferença. A indiferença nasce do desequilíbrio das relações e se sustenta graças à fraqueza de um dos membros da relação.

Não há nada melhor do que demonstrações de interesses contínuas para começar a abrir os olhos quando nos sentimos obrigados a fechá-los.

Então nos damos conta de que nem todo amor é amor de verdade, de que nem sempre nosso querer recebe reciprocidade, e de que para ser feliz em casal é preciso que os dois sujeitos se divirtam juntos, sejam cúmplices e bons amantes.

Só na ausência de mentiras, de desculpas e de desinteresse é possível criar um amor que seja, em essência, liberdade, e gere condutas saudáveis e não ressentimentos. Nós merecemos relações em que temos liberdade de escolha, proximidade, baseadas no carinho, em tempo compartilhado e em pensamentos que caminham juntos.

É preciso cuidar de nossa autoestima, gostar de nós mesmos

Ninguém pode fazê-lo infeliz sem o seu consentimento. Para construir uma relação em casal feliz é preciso dar importância e valor a si mesmo, gostar de si. Ou seja, devemos demonstrar tudo isso a cada dia.

Quando conseguirmos isso estaremos prontos para não buscar quem não nos valoriza e não demonstra interesse, não nos entregarmos ao limbo emocional que é a indiferença que nos dá apenas mensagens ignoradas e silêncios sem fundamento.
Ainda que os amores nos decepcionem, que sintamos que estamos ao lado do amor de nossas vidas ou que não acreditemos que existam amores eternos, o amor verdadeiro e indispensável é o amor por si mesmo, e será a partir do cultivo desse sentimento de amor pessoal que poderemos entender e buscar o que merecemos de verdade.

Por: A mente é maravilhosa

The Dragon


E você tem demonstrado seu amor? Não deixe ninguém mendigar por ele...

Você é o maestro de toda transformação!
Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Felicidade

images_(5)[1]

“A felicidade real é uma casa que se constrói por dentro da própria alma.” – Marco Prisco

A felicidade existe Phoenix? Então como encontrá-la? O que fazer para alcançar a felicidade? Onde fica a felicidade? Perguntas… perguntas… perguntas… muitas  e muitas perguntas pululam em nossa mente quando o assunto é felicidade.

Sim, a felicidade existe e podemos senti-lá, vivencia-lá com abundância. Como? Esforçando por eliminar os obstáculos – reduzir o peso da cesta que carregamos – durante a caminhada pela estrada da vida. Todos os dias, ao invés de retirarmos as pedras, acabamos acrescentando outras tantas com atitudes intempestivas, mesquinhas e precipitadas. E a cesta vai ficando pesada, pesada, pesada. E assim, vamos caminhando, ou nos arrastando dependendo da quantidade de pedras na cesta, na estrada da vida.

Se queremos ser feliz é preciso esvaziar a cesta, enchendo-a com a leveza das atitudes saudáveis perante a vida. E ser feliz é uma questão de atitude perante você mesmo na estrada da vida.Vejamos:

Cultive a disciplina do pensamento… mantendo assim a harmonia e o equilíbrio das próprias emoções;

Fale pensando no bem… e terá a concórdia como companheira em torno de si;

Age com caridade… e conseguirá uma boa conselheira na construção da paz em torno de ti;

Lute com paciência, otimismo e perseverança… e conquistará as melhores oportunidades de vencer;

Trabalhe vigorosamente… o trabalho dignifica e nos mantém no rumo do progresso;

Ame sem distinção… o amor verdadeiro não se detém no objeto amado;

Tenha segurança interior diante da vida… e sentirá a presença da felicidade;

Trabalhe em favor da autoiluminação no decorrer da vida… descobrindo assim o mais  eficaz meio de conquista da felicidade ;

Valorize o que sabe, o que é e o que se  tem na vida… e conquiste a felicidade sem os tormentos da ambição;

Cumpra com o seu dever perante a vida… seja qual for sua atribuição na vida realize-a com alegria e sinta a felicidade da consciência tranquila;

Não se apegue demasiado as pessoas que caminham com você na vida… ninguém é responsável pela sua felicidade. As pessoas são livres para estar onde melhor se sintonizam. A felicidade está em você;

Seguir amando a vida e na vida… Amar é ser livre. Ame e não tenha a preocupação de ser amado e a felicidade te alcançará;

Sê sincero…A sinceridade atrai bons e verdadeiros amigos. Amigos são luzes de felicidade na estrada da vida;

Ouve a voz da consciência… mantendo assim a tranquilidade na escolha das atitudes que te fará encontrar a felicidade na estrada da vida;

Então como encontrar a felicidade? Como ser feliz?

Simples! Esvazie a cesta e viaje com o veículo das atitudes edificantes e nobres e vislumbrará a cada quilometro na estrada da vida um “posto de gasolina” para se abastecer de FELICIDADE.

Afinal todo ser humano tem por ideal ser FELIZ. Experimente ser FELIZ.

The Dragon


Qual o peso da sua cesta? Venha esvaziar a sua cesta! É fácil ser feliz.

Você é o maestro de toda transformação!
Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Como Seguir em Frente Quando nada te faz Feliz

FB_IMG_1458223426813[1]

Às vezes você não consegue encontrar o seu caminho, e isso faz com que seja complicado alguma coisa te fazer feliz. Talvez o seu parceiro não te faça feliz, você não goste do seu trabalho, queira mudar sua forma de viver a vida, mas se sinta bloqueado.

O turbilhão da vida cotidiana impede que você pare e pense se o que você está fazendo é o que realmente quer fazer, impede que você reflita sobre o motivo pelo qual não está feliz. Todas as suas atividades diárias te distraem do que também é importante: você mesmo.

“A vida está cheia de solidão, miséria, sofrimento, tristeza e, no entanto, ela passa rápido demais.” – Woody Allen

Alguns Conselhos para seguir em frente

Um pouco de egoísmo saudável é necessário de vez em quando para nos recuperarmos, para sabermos quem somos e termos a certeza de que o lugar para onde a nossa vida está indo nos faz feliz, e é o lugar que nós mesmos escolhemos, não outras pessoas.

Você pode fazer muitas coisas para seguir em frente quando nada te faz feliz, mas o fundamental é realizar uma reflexão profunda sobre as nossas emoções, sentimentos e desejos.

Pense no que você deseja

O que você quer? O que te deixa animado, o que te faz vibrar? Não se deixe influenciar pelo que os outros pensam que você deseja, trate de pensar no que você deseja, no que te faz feliz. Todos temos sonhos e desejos que temos medo de realizar, mas a vida é curta e é hora de caminhar para aquilo que realmente queremos.

 Aja para ser feliz

Não basta só pensar, também é hora de começar a fazer tudo aquilo que você pode fazer para ir em direção ao seu sonhoSe você sempre quis ser atriz, comece se inscrevendo em um curso de teatro, por exemplo, vá a eventos que tenham a ver com teatro ou cinema, saia com pessoas que tenham os mesmos interesses que você e você irá começar a desfrutar o que te faz feliz.

“Em um minuto posso mudar a minha atitude, e nesse minuto posso mudar o dia inteiro.”  – Spencer Johnson

Abrande o ritmo da sua vida

Não é preciso tentar fazer tudo de uma só vez; pare um pouco e reflita sobre o que é urgente e o que pode esperar. Encontre um tempo para dedicar a si mesmopara aproveitar o que você mais gosta, quer seja passear à luz do luar, comer alguma coisa com seus amigos ou familiares, jantar com seu namorado. Sempre é possível encontrar esse momento para nós mesmos.

Valorize o que você sente

Os nossos sentimentos são importantes. Como a sua vida faz você se sentir atualmente? Do que é que você não gosta? Se você se sente triste, é hora de começar a fazer mudanças; comece por si mesmo, mude a sua forma de vestir, de arrumar o cabelo, de caminhar, mude a sua forma de se relacionar com os outros. Pense que você não vai perder nada, simplesmente vai ter experimentado algo novo e vai se divertir.

Se você precisa chorar, chore. Não importa se alguém estiver olhando, deixe a tristeza sair, não a retenha. Faça com que cada lágrima dissolva o que te preocupa, o que não te faz feliz. É necessário chorar para poder substituir essas lágrima por um belo sorriso depois.

 Aproveite a companhia das pessoas

Isolar-nos e não nos relacionarmos com outras pessoas nos distancia e faz com que afundemos ainda mais na nossa tristeza. Somos seres que precisam de abraços, beijos, carinho, palavras de ânimo e de consolo.

Precisamos estar com outras pessoas e desfrutar a sua alegria, seu sorriso contagioso. Talvez você não esteja com vontade de ver ninguém, mas muitas vezes, quando nos sentimos assim, acabamos saindo e aproveitando muito, pois não temos expectativas.

 O que você faria se não tivesse medo?

Essa é uma pergunta fundamental que você deve se fazer todos os dias para deixar de lado aquilo que te dá medo. Existem muitas maneiras de fazer as coisas, e é importante fazê-las de uma forma com a qual nos sentimos confortáveis. Muitas vezes, correr um risco pode nos fazer sentir que o medo é algo totalmente superável e criado por nós mesmos.

Sair da nossa zona de conforto, fazer algo arriscado, sentir um pouco de ansiedade todos os dias, independentemente de se vamos conseguir ou não; tudo isso poderá nos proporcionar a alegria de viver e de saber que vale a pena aproveitar cada segundo da nossa existência.

                        “Tudo parece impossível até que seja feito.” – Nelson Mandela

Via http://amenteemaravilhosa.com.br/

The Dragon


E você até quando vai permanecer tendo medo de se machucar?

Você é o Possível de toda transformação!
Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Praticando a Gratidão

FB_IMG_1457101822243[1]

“Sou muito grato às adversidades que apareceram na minha vida, pois elas me ensinaram a tolerância, a simpatia, o auto-controle, a perseverança e outras qualidades que, sem essas adversidades eu jamais conheceria.” – Napoleon Hill.

Gratidão sempre!!!

Ontem estava lendo um artigo do The Phoenix Journal – Practicing Gratitude (Praticando Gratidão) escrito por Cris Repolês – The Phoenix Coach.
E eu gostaria de destacar algumas passagens deste artigo que me despertaram a atenção e que valem uma reflexão mais profunda.

“…convidá-lo a refletir sobre sua vida e sobre si mesmo por apenas um momento…
O que te faz sentir GRATIDÃO?
O que o faz SORRIR?
O que faz o seu CORAÇÃO bater mais forte?
O que faz você se sentir PODEROSO?
O que faz você se sentir verdadeiramente FELIZ?
Este é um convite geral…”

Fazer uma reflexão profunda sobre si mesmo na busca de se conhecer e amar é a melhor forma de se ter pela vida GRATIDÃO, e nesse momento você vai se sentir em paz, alegre e começará a SORRIR, vai SORRIR tanto que seu CORAÇÃO vai acelerar o ritmo e baterá tão forte que você vai se sentir PODEROSO e todo esse poder te deixará muito, mas muito FELIZ… Então não perca esse momento…aceite o convite para “refletir sobre tudo o que te faz sentir GRATIDÃO”.

Seja grato por tudo que você tem… e o que não tem? Saúde, situação financeira, trabalho, carro…
Seja grato por tudo que você é… e o que não é? Bonito, feio, magro, gordo…
Seja grato por qualquer situação… de alegria ou tristeza, boa ou ruim…

“Pois aqui é quando a mágica começa a acontecer…” nos diz a Coach Cris Repolês. Sempre que temos gratidão estamos gerando pensamentos e sentimentos positivos e assim estamos nos abrindo para obter mais e cada vez mais.
Isso acontece porque tudo que nós sentimos e pensamos gera uma vibração. Essa vibração cria um campo energético que atraí para nós vibrações com teor equivalente (Lei de ação e reação). Assim podemos criar o nosso próprio destino, o nosso próprio mundo.

Então fica aqui o pedido da Coach Cris Repolês: Pratique a Gratidão durante toda a sua vida e perceberá como a vida lhe será grata.

E por falar em gratidão, gostaria de agradecer imensamente a esta fenomenal, fantástica Coach – Cris Repolês – que em apenas dois meses de sessão semanal revolucionou minha história de vida. A sua forma apaixonada de trabalhar, contagia, empolga e nos faz acreditar não existir o impossível quando nos dispomos a transformar a nossa vida em uma vida de sucesso.

Gratidão sempre! Cris Repolês – The Phoenix Coach.

(Leia o Artigo: “Praticando Gratidão” aqui)

The Dragon


E você tem praticado a gratidão? Venha! Vamos praticar!

Você é o maestro de toda transformação!
Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99283-7346
e-mail: thedragoncoach@gmail.com