Ser feliz ou ter razão?

A-TOLERANCIA-ZERO-FOTO-DE-CAPA-830x450

“Oito da noite, numa avenida movimentada. O casal já está atrasado para jantar na casa de uns amigos. O endereço é novo e ela consultou no mapa antes de sair. Ele conduz o carro. Ela orienta e pede para que vire, na próxima rua, à esquerda. Ele tem certeza de que é à direita. Discutem. Percebendo que além de atrasados, poderiam ficar mal-humorados, ela deixa que ele decida. Ele vira à direita e percebe, então, que estava errado. Embora com dificuldade, admite que insistiu no caminho errado, enquanto faz o retorno. Ela sorri e diz que não há nenhum problema se chegarem alguns minutos atrasados. Mas ele ainda quer saber: – Se tinhas tanta certeza de que eu estava indo pelo caminho errado, devias ter insistido um pouco mais… E ela diz: – Entre ter razão e ser feliz, prefiro ser feliz. Estávamos à beira de uma discussão, se eu insistisse mais, teríamos estragado a noite!”

Autor desconhecido


 

O que é melhor? Ser feliz ou ter razão… Sempre vou optar por ser FELIZ – se certo ou errado – se melhor ou pior – que importa… A felicidade precisa ser conquistada, e assim vou construir todas as oportunidades de estar o mais próximo de ser feliz, incluindo o fato de nem sempre querer ter razão.

Fico pensando em quanto tempo e quanta energia se gasta para comprovar uma razão que nem sempre se tem ou se precisa ter.

Quantas e quantas vezes nós já deixamos passar situações, momentos e oportunidades de sermos felizes apenas por querermos ter razão e alimentamos o nosso orgulho, o nosso personalismo (“sei tudo”, “sou o melhor”). Talvez nem seja por nossa própria culpa, mas pelo que aprendemos como sendo o certo de se fazer, pelas crenças que criamos e cultivamos durante a vida.

E fica a pergunta: o que precisamos fazer?

Seguir a razão, escutando o diabinho no ombro que está sempre nos aconselhando com o orgulho e o ego na busca do “estarmos sempre com a razão”.

Seguir a emoção, escutando o anjinho no outro ombro que está sempre nos encostando no amor que conduz a gentileza, entendimento, compreensão e renuncia nos permitindo seguir em frente sem nos incomodarmos “se temos ou não razão”.

Que importa com quem ou onde está a razão…. (afinal, foi só uma questão de voltar e pegar a rota certa para chegar onde queriam e “serem felizes”) ela EXISTE (simples assim).

Eu faço e sempre farei a opção por ser feliz. E você que opção faz?

The Dragon


Você é a Razão e a Felicidade de toda transformação!

Klau, The Dragon Coach.

https://www.facebook.com/thedragoncoach
Telefone / WhatsApp: +55 (61) 99286-5192
e-mail: thedragoncoach@gmail.com

Anúncios

4 comentários sobre “Ser feliz ou ter razão?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s